TERESA CRISTINA SIMÕES

terapeuta transpessoal integrativa

(19) 3329.4498 | (19) 9 9176.9313 (whatsapp) |  tcris3in1@gmail.com

Avenida João Ambiel, 91| Solar do Itamaracá | Indaiatuba - SP

  • Facebook - Círculo Branco

© 2018 por Mídia.Crawl. 

CINESIOLOGIA EDUCACIONAL

Apesar de tentarem muito, crianças ou adultos com dificuldade de aprendizado estão com seus mecanismos de integração cerebral desligados. Como eles são necessários para o completo aprendizado, quando estão “desligados” a informação é recebida pela parte posterior do cérebro como uma impressão, mas fica inacessível para a parte frontal do cérebro como uma expressão.

Essa incapacidade de expressar aquilo que se aprende cria no estudante uma síndrome de fracasso. Desativar o estresse do aprendizado e estimular o corpo para que essa integração ocorra e o aprendizado seja integral é essencial.

Por isso, inúmeros programas educacionais vêm sendo desenvolvidos para estimular a motivação, o reforço, o treino e a assimilação do aprendizado.

A Cinesiologia Educacional é uma técnica que auxilia na identificação do estresse ou origem de um desequilíbrio físico e emocional por meio de teste muscular. Com ela, os progressos passam a ser evidentes, uma vez que o indivíduo descobre como receber a informação e se expressar ao mesmo tempo. 

 

Dúvidas frequentes:

1. Para que serve?

2. Qual a origem da técnica/tratamento?

3. Como o tratamento é aplicado?

1. Para que serve?​

Inúmeros bloqueios podem ser tratados na Cinesiologia Educacional, dentre eles:

- Bloqueios na fala, escrita e leitura;

- Troca de números ou letras ao escrever;

- Dificuldade com números e operações matemáticas;

- Esquecimento do conteúdo estudado e aprendido, durante uma prova;

- Dificuldade de ler em voz alta, entender em leitura silenciosa, etc;

- Confundir ortografia das palavras;

- Esquecimento de algo que acabou de ler;

- Dificuldade de apreensão do que ouve, vê, lê;

- Dificuldade de coordenação, lentidão,

- Comportamento de reação de fuga ao aprendizado;

- Consequências do bullyng de aprendizado e comportamental;

- Dificuldade comportamental e social;

ATENÇÃO: Não são atendidos casos clínicos de dislexia derivados de acidentes e problemas neurológicos;

2. Qual a origem da técnica/tratamento?

A Cinesiologia Educacional foi criada e desenvolvida por Gordon Stokes, também fundador e criador da técnica Three in One Concepts. 

Tudo começou quando, durante sua infância, Stokes desenvolveu um bloqueio de aprendizado e por incapacidade de percepção do seu problema real recebeu vários rótulos que o diminuíam por longo tempo.

Na fase adulta, ele se dedicou a diminuir a problemática chegando a presidir uma corporação educacional com o objetivo de corrigir dificuldades de aprendizagem pelo uso de técnicas de redução de estresse.

O método originado dos estudos de Stokes não atende apenas as dificuldades de crianças, mas também adultos. Aplicado na Europa, Rússia, Japão, América do Sul, Austrália, África, Israel e países eslavos, ele tem beneficiado muitas pessoas que desenvolveram algum tipo de estresse e bloqueio no aprendizado.

3. Como o tratamento é aplicado?

Assim como na técnica Three in One Concepts, chega-se ao estresse por meio de teste muscular.  (Para saber mais sobre o Three in One Concepts clique aqui).

Os testes visam investigar:

- Bloqueios nas diferentes áreas do cérebro: motora, sensorial, somestésica, visual, auditiva, wernicke, pré-frontal;

 

- Sistemas auditivos: escuta em voz alta, baixa moderada, vários sons;

 

- Sistema visual: área da retina, campo visual, campo binocular;

 

- Percepção de leitura em voz alta, baixa, em silêncio;

 

- Bloqueios relacionados à distância de um objeto ou imagem; bloqueios em uma posição específica de olhos; bloqueios em acompanhar uma imagem com os olhos, em mudar o foco do olhar da direita para a esquerda, de acompanhar um movimento de algum objeto, etc.;

 

- Estresse com todas as letras do alfabeto, todos os números e operações matemáticas;

 

Após a investigação e a identificação dos pontos de estresse e dos bloqueios, são aplicadas correções que facilitam a integração cerebral. Podem ser indicados ainda exercícios para auto aplicação.