O foco está sem foco



Uma característica apreciável do ser humano é o foco. Graças a ele, nos tornamos produtivos, contagiamos o mundo com energia positiva, mostramos competência, coragem, audácia, conhecimento, vitalidade, comprometimento, entre tantos outros adjetivos.


Os reflexos dessa característica surgem sempre de muito esforço e empenho. Mas, nem sempre estamos dispostos a percorrer o caminho árduo que o foco propõe, é verdade.


Por outro lado, quando o foco é um de nossos atributos, vale a pena parar para refletir sobre como o usamos em nosso cotidiano. Pensar a fundo a respeito desse assunto é essencial para que o foco seja construtivo e esteja acompanhado de equilíbrio e alegria.


Tente responder a essas questões antes de prosseguir essa leitura - tenho certeza que a reflexão será produtiva e valiosa.


- O que é foco para você? (Pausa)
- Você o possui ou não? Contextualize sobre sua resposta.(Pausa)
- Ele é contínuo em sua vida? (Pausa)
- O teu foco te constrói ou te destrói? Com qual frequência?

Refletir sobre as questões acima coloca o tema numa perspectiva maior e “ter foco” passa a ser uma qualidade da qual devemos nos apossar com cuidado.


Vou me usar como exemplo e você vai entender o que estou falando…


Durante um bom tempo essa qualidade foi muito forte em minha vida, até o momento em que despertei para o fato de que estava sendo escrava do foco e o excesso dele estava me fazendo ser inflexível, muito rígida comigo e com os outros.


Então, comecei a perceber que ter foco nem sempre é bom. Isso nem sempre nos constrói, quero dizer. Na verdade, o foco em excesso desfoca nosso propósito de vida e nos torna, em muitas ocasiões, vulneráveis e infelizes.


Coerência com nossos propósitos existenciais é algo imprescindível e devemos nos atentar ao fato de que ser focado não pode nos deixar cegos, pois a vida requer maneabilidade.


Preste atenção: se você se perceber assim, pare tudo!


Sim, vai ser extremamente difícil parar tudo. Mas, se essa afirmação se confirmar, seu foco provavelmente tenha se transformado num vício e você pode estar se distanciando de seus anseios mais vitais.


Não se desespere! Se chegou a essa percepção, você acordou - e acordado tudo pode se reorganizar.


Para que essa reorganização aconteça, comece percebendo se a energia do foco está presente em todos os setores de sua vida e se ela está observando e respeitando seus limites. Caso perceba que seu foco está aquém ou além do que se considere saudável, ajuste-o imediatamente.


Se precisar de ajuda, busque um profissional qualificado. Pedir ajuda é uma atitude elogiável. Ame-se e "Viva a Alegria em Você!".

TERESA CRISTINA SIMÕES

terapeuta transpessoal integrativa

(19) 9 9176.9313 (whatsapp) |  tcris3in1@gmail.com

Avenida João Ambiel, 91| Solar do Itamaracá | Indaiatuba - SP

  • Facebook - Círculo Branco

© 2018 por Mídia.Crawl.