Pensando em me reinventar



Por acaso você já pensou em se reinventar?


Como é gostosa a sensação que nos toma quando há energia excedente, novas ideias e possibilidade de engajamento sem se preocupar com o que ficou para trás.


Existem ainda aqueles momentos em que reinventar-se é uma necessidade, por vezes tão grande que se a mudança não ocorre temos a sensação que deixaremos de existir.

(Na verdade, espero você nunca tenha se sentido assim e nunca venha a se sentir)


Mas, de forma geral, reinventar-se é algo que todos devemos desejar, pois é uma necessidade vital que nos consome diariamente. Faz parte de todo ser humano ser um pouco nômade, híbrido. Afinal, somos o que nossos ancestrais plantaram e tantas mudanças de lá para cá já aconteceram, em todos os sentidos. Nossas memórias registram inúmeras reinvenções e somos convidados a essas mudanças pois elas vibram forte, convidando-nos a reinventarmos novamente a todo instante.


Às vezes fazemos isso externamente: cortamos o cabelo, mudamos sua cor, deixamos a barba crescer, mudamos a cor do esmalte, as roupas do guarda roupa, mudamos de casa, de carro, de amigos, etc. Outras vezes, olhamos para dentro e mudamos hábitos, formas de pensar, de sentir, etc.


Além da mudança


Tenha em mente que reinventar-se não significa mudar, e sim manter o que já existe de sólido e essencial, ampliando esses potenciais. Afinal, “em time que está ganhando não se mexe”, lembra-se desse dito popular?


É preciso aprender a manter o que permanece intacto em nós mesmos, apesar dos movimentos intensos aos quais nos submetemos ou necessitamos nos impor. É a partir dessa força latente que poderemos imprimir um quantum de energia a mais para poder sair de um círculo vicioso que nos prende à mesmice.


Então, pé no acelerador, olhos em seus potenciais e novo rumo em sua trajetória! Este é o gás que você precisa para poder adentrar novas trilhas em você mesmo, reinventando-se sempre mais.


Quando entrar nesse caminho, olhe para seu momento presente e analise o que te encanta, o que não pode abandonar mesmo sendo tentado a fazê-lo, o que te pesa e mesmo assim não consegue deixar de carregar, tornando seu caminho desmotivado.

Quando tiver essas respostas, respire fundo colocando pequenas metas à serem alcançadas, (Talvez nem sejam metas, apenas conquistas ou pequenos presentinho a se dar, por exemplo fazer um alimento que gosta e há tempos não saboreia).


Também olhe ao seu redor: faça pequenas mudanças, mesmo que fora de você. Comece a ter atitudes amorosas e faça silêncio todos os dias. Sem perceber, uma nova energia vai chegar e então você já estará totalmente reinventada (o).


Experimente...Boa sorte!!!

TERESA CRISTINA SIMÕES

terapeuta transpessoal integrativa

(19) 9 9176.9313 (whatsapp) |  tcris3in1@gmail.com

Avenida João Ambiel, 91| Solar do Itamaracá | Indaiatuba - SP

  • Facebook - Círculo Branco

© 2018 por Mídia.Crawl.